Ich bin ein Berliner Currywurst – Fast food gostoso e sem carboidratos

Currywurst-sem-carboidratos-1

Berlim, que cidade interessante! Como Istambul foi marcada e criada por uma mistura de religões, Berlim foi marcada por diversas influencias de sistemas politicas. Uma cidade que tive tantas aventuras (algumas bem ruins) durante o ultimo século. Viveu guerras mundiais, sofreu lavagem cerebral do Hitler para depois em 1949, alguns anos depois a segunda guerra, ser dividido em dois, leste e oeste.

Currywurst-sem-carboidratos-5

No leste os russos tentaram criar uma sociedade perfeita com igualdade, solidariedade e equilibridade com a natureza baseado no comunismo mas falharam em todos os aspectos. Milhares de alemãos da Alemanha Leste fugiram para oeste através Berlim Oeste que era como uma ilha dentro da Alemanha Leste. Em 1961 os números chegaram em 20.000-30.000 pessoas por mês em junho e julho. Em agosto 1961, quando o muro começou ser construído, quase 50.000 pessoas viram sua ultima chance e fugiram. O muro ficou por quase 30 anos, só em 1989 o ele caiu. Quando eu visitei Berlim a primeira vez, em 1991, ainda dava para perceber muitas diferenças entre leste e oeste, mas agora quase 25 anos depois eles são muito menos perceptíveis. Mas ainda pessoas falam que tem uma diferença cultural, que tem um “muro na cabeça”, especialmente nos gerações mais velhos.

Currywurst-sem-carboidratos-2

Agora é uma cidade que parece bem aberto, curioso e moderno. Com shopping e coffee houses, lugares bonitas para andar e vários museus interessantes. Nos moramos num hotel em antiga Berlim leste. Superlegal e muito descolado, posso recomendar: Michelberger Hotel. Não tentei o “night life” mas escutei que é maximo. Conclusão: vale a pena visitar Berlim!

Berlim-sem-carboidratos-1

Como eu falei no ultimo post, um dos especialidades da cidade é o Berliner Currywurst. Tem varias redes que focam em isso, um dos mais famosos chama Curry 36 , mas eu experimentei meu num restaurante comum no lado do Aqua Dome, perto do Alexander Platz. Em resumo, é um salsicha com ketchup de curry, muitas vezes servido com fritas e salada de repolho. Eu achei meu molho doce de mais, mas vi o potencial de um “fast food” bem gostoso.

Currywurst-sem-carboidratos-3

Não da para usar ketchup comum para este prato, por que contem muito açucar, portanto foi necessário fazer meu ketchup próprio. Um experimento que deu muito certo, olhe a receita no ultimo post. Os próximos passos foram bem simples e resultaram num almoço muito gostoso! Vale a pena comentar que em geral eu não acho salsicha uma comida para todos os dias por que é muito processada e tem muito sódio. Seja diligente quando escolher, a maioria das salsichas tem entre  1000-1500 mg d sódio por 100 g de salsicha, mas da para achar versões com menos que 500 mg.

Currywurst-sem-carboidratos-4

Mas em vez em quando…por que não? Serve com por exemplo repolho refogado (ou outro acompanhamento da sua escolha) e você vai ter um refeição com muito pouco carboidratos.

Modo de fazer

  1. Frita ou ferve o numero de salsichas que você quer
  2. Pode comer o molho fria ou quente, eu escolhi quente. Pega 1-2 colheres de sopa de ketchup caseiro (olhe receita aqui) por salsicha e misture com 1/2 colher de chá curry (ou ao gosto). Se seu ketchup é muito grosso, esquenta com um pouquinho de agua primeiro e depois adicione o curry.
  3. Serve com seu acompanhamento preferido. Eu acho que funciona muito bem com repolho refogado. Repolho é bem típico alemão.
  4. Se quiser adicione um pouquinho de mostarda também, mas evite mostarda doce.
  5. Pronto!
Anúncios

7 Respostas para “Ich bin ein Berliner Currywurst – Fast food gostoso e sem carboidratos

  1. Vou experimentar essa. Adoro salsicha, mas tb acho que é para comer de vez em quando. Pode me dizer a marcar da salsicha que voce encontrou com baixo sódio? bjs

    • Oi thaisa!
      Jejum perioidico é uma coisa que ficou muito popular na Suecia com as pessoas que está fazendo esta dieta, mas eu nunca experimentei. Parece que esta funsionando para varias pessoas, mas relamente não sei sufuciente para ter uma opinião. Ainda pelo menos 🙂 Beijos

    • Oi Thais! Jejum periodico é muito popular na suecia com pessoas que fazem esta dieta de baixo carboidratos, mas eu ainda não epxerimentei, portanto não conheço muito bem. Talvez vou experimentar no futuro… Se fazer, com certeza eu vou compartilhar com voces! Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s